Notícias

Conheça os principais sintomas do acidente vascular encefálico, também conhecido como derrame

O atendimento rápido ao identificar os primeiros sinais de alerta pode reduzir e até mesmo evitar sequelas

Publicado em 21 de fevereiro de 2019
Atualizado em 21 de fevereiro de 2019

De acordo com a Organização Mundial de Derrame , a cada 60 ocorrências, ocorrem no mundo cerca de 30 novos casos de acidentes vasculares cerebrais (AVE), popularmente conhecidos como derrame ou AVC. No entanto, manter os hábitos de banho pode reduzir o risco de se ter esse problema.

“Beber bastante água, ter uma alimentação balanceada, não fumar, consumir menos álcool, condicionar as atividades físicas, regular e estar com uma pressão arterial, a glicose, o colesterol e os triglicérides controlados são os fatores que impedem a AVE”, explica Alex Machado Baeta, neurologista da BP.

O especialista alerta para os sinais que podem indicar o início de um AVE e lista os principais deles:

*Dificuldade para falar

*Formigamento no rosto, no braço e na perna, em geral dos lados do corpo

*Perda repentina, parcial ou total, da visão

*Visão dupla

*Confusão mental

*Vertigem e tontura

*Desequilíbrio repentino

*Falta de força, geralmente de um lado do corpo

*Dificuldade para deglutir

*Paralisia da metade inferior da face

 “Ao apresentar um dos sintomas, um indivíduo deve ser levado a cabo, o mais rápido possível, um polo de saúde com a plataforma integrada para diagnosticar e tratar uma doença. "Quanto mais cedo procurar por um médico especializado, menor será uma lesão no cérebro e uma chance de ter sequelas mais graves", conclui o neurologista.

OUTRAS UNIDADES BP: